Blog Endocrinologia

5 coisas que você precisa saber sobre a tireoide

A glândula tireoide tem a forma bem parecida com a de uma borboleta e é muito importante para várias funções do nosso corpo. Ela está localizada na parte anterior ao pescoço, logo abaixo do Pomo de Adão, o conhecido gogó, e é responsável pela produção os hormônios T3 (triiodotironina) e o T4 (tiroxina).

A sua principal função é regular o metabolismo, mas ela também regula a funcionalidade do coração, cérebro, fígado e rins. Além disso, a tireoide interfere no crescimento e desenvolvimento das crianças e adolescentes, na regulação dos ciclos menstruais, na fertilidade, na memória, na concentração, no humor e no controle emocional.

Ficou claro porque a tireoide é uma glândula tão importante, não é mesmo? Confira abaixo 5 coisas que você precisa saber sobre a tireoide e fique atento:

1. O que acontece quando a tireoide não funciona?

Quando a tireoide não funciona de maneira correta, ela pode liberar hormônios em quantidade insuficiente, causa do hipotireoidismo, ou em excesso, responsável pelo hipertireoidismo. O volume da glândula pode aumentar nas duas situações, que é conhecido como bócio. Quando isso acontece, as consequências são sentidas no corpo inteiro.

2. Quais os sintomas?

As disfunções na tireoide podem acontecer em qualquer etapa da vida e, na maioria das vezes, são simples de diagnosticar. No hipotireoidismo, pode causar diminuição da memória, cansaço excessivo, dores musculares e articulares, sonolência, aumento dos níveis de colesterol no sangue e depressão.

Já o hipertireoidismo geralmente causa emagrecimento, intestino solto, agitação, pouco sono, muita energia, embora a pessoa ainda se sinta cansada. Caso você sinta alguns dos sintomas citados, é bom procurar um endocrinologista para diagnóstico e tratamento.

Na Clincare, você encontra um endócrino especializado e preparado para te ajudar a entender e cuidar da sua tireoide. Agende uma consulta agora. Não há prevenção, na maioria dos casos, mas depois de identificado, o problema pode ser tratado com eficácia.

3. Nódulos na tireoide

Nódulos podem aparecer na tireoide e por causas diversas. Eles podem ocorrer simplesmente por alterações da própria glândula como podem, também, ser tumores malignos ou benignos. Não se sabe dizer exatamente porque esses nódulos aparecem, mas o reconhecimento deles podem salvar uma vida.

Estima-se que 60% da população brasileira tenha nódulos na tireoide em algum momento da vida. Mas apenas 5% são cancerosos. Para descobrir o nódulo, a palpação da glândula é de fundamental importância. Um endocrinologista pode encontrar o nódulo e solicitar exames para descartar a presença do câncer.

4. Mulheres são as que mais sofrem com o não funcionamento da tireoide

Isso mesmo, as mulheres têm cinco a oito vezes mais chances de apresentar transtornos da tireoide. Estima-se que quase 50% das mulheres com mais de 50 anos tenham ou vão ter algum problema com a tireiode, seja disfunções ou surgimento de nódulos. Porém, são os homens que possuem o maior índice de câncer, 8% dos homens contra 4% das mulheres.

5. Crianças podem nascer com problemas na tireoide

É verdade que os problemas com a tireoide são mais frequentes em adultos, mas as crianças também podem sofrer com as doenças tireoidianas. O mau funcionamento dessa glândula pode afetar o desenvolvimento físico, neurológico e cognitivo dos pequenos para a vida toda.

Algumas crianças podem até nascer com hipotireoidismo. Para detectar o problema, é realizado o Teste do Pezinho, feito, preferencialmente, entre o terceiro e quinto dia de vida do bebê.

Se você está suspeitando de algum problema com a sua tireoide, procure um Endocrinologista. Aqui na Clincare temos profissionais especializados nessa e em outras áreas. Agende uma consulta agora.

Comente!

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *