É certo que todos os cuidados antes da realização de um procedimento estético — especialmente a escolha do melhor cirurgião possível — são extremamente importantes. No entanto, os cuidados pós-operatórios são tão relevantes quanto a cirurgia em si, podendo influenciar diretamente os resultados.

E, por mais que o cirurgião faça as recomendações, segui-las e fazer tudo de acordo é uma responsabilidade exclusiva do paciente. É fundamental que todos os cuidados pós-operatórios sejam seguidos; caso contrário, toda a cirurgia pode ser afetada.

Foi pensando exatamente nisso que a Clincare preparou este texto. Dependendo da cirurgia escolhida, alguns cuidados específicos precisam ser tomados. Contudo, há cuidados que são universais, isto é, que devem ser tomados pelo paciente independente do procedimento realizado.

É sobre eles que nós falamos na sequência. Continue a leitura e descubra!

 

Cuidados pós-operatórios essenciais a qualquer cirurgia plástica

Você sabia que os hábitos alimentares de uma pessoa influenciam todas as funções do seu corpo? Sendo assim, para garantir o melhor funcionamento possível do seu organismo — incluindo a cicatrização e a recuperação após uma cirurgia plástica — é essencial cuidar da alimentação.

Neste sentido, algumas das principais recomendações incluem:

  • Fazer refeições leves, principalmente à base de caldos e grelhados e em pequenas porções;
  • Comer pelo menos 2 porções de frutas por dia para estimular o funcionamento do intestino;
  • Beber pelo menos 1 litro e meio de água por dia para manter o corpo hidratado.

Mas os cuidados alimentares não são os únicos. Há também as recomendações de repouso que devem fazer parte de qualquer processo pós-operatório. Nas primeiras semanas após o procedimento, não faça nenhum tipo de esforço físico excessivo, especialmente se você estiver com pontos ou grampos.

Além disso, o repouso não pode ser negligenciado! Você deve ficar em uma posição confortável e adequada de acordo com a cirurgia — o que será recomendado com mais detalhes pelo seu cirurgião.

Por fim, não podemos deixar de citar a questão dos curativos e outros equipamentos de proteção, como são os casos das cintas e dos drenos.

Quanto ao curativo, você deverá trocá-lo no consultório médico em uma data marcada previamente. Não perca a data para garantir melhores resultados!

Já quanto aos equipamentos de proteção, tenha em mente que você não deve retirá-los por conta própria em momento algum, mesmo que esteja sentindo que já está melhor. Apenas o médico responsável pelo seu procedimento saberá a hora certa de realizar a retirada, e você deve fazer tudo de acordo com o que ele recomendar.

 

Conte sempre com seu médico!

Se você seguir todos os cuidados pós-operatórios que demos nas últimas linhas, é pouco provável que tenha algum problema durante a recuperação. No entanto, é impossível prever quando algo pode dar errado. Mesmo tomando todas as precauções, algo ruim ainda pode acontecer.

Nesses casos, é imprescindível que você conte com o apoio do seu cirurgião. Se notar algo fora do comum, entre em contato com ele imediatamente. Somente assim, tanto você quanto seu médico poderão garantir os resultados que tanto desejam — além, é claro, de cuidar da sua saúde.

E você, já tinha conhecimento dos cuidados pós-operatórios que trouxemos neste texto? Caso tenha gostado e queira continuar recebendo conteúdo, é só seguir a Clincare no Instagram!

× AGENDE SUA CONSULTA