Os cuidados com a pele no inverno são tão importantes quanto em qualquer época do ano. Mas, é claro, existe uma diferença! Enquanto no verão ficamos mais preocupados com o acúmulo de suor e até com a questão do protetor solar, o inverno requer seus cuidados específicos. A grande exposição a dias de vento, com baixa temperatura e muitas vezes seco pode tornar a pele mais ressecada e até levar à descamação. Vamos te ajudar a passar pelo inverno com a pele maravilhosa. Basta seguir as dicas até o final deste artigo.

Hidratação é fundamental

Caprichar na hidratação é muito importante! Manter um creme hidratante corporal e facial com ingredientes eficazes faz a diferença que você procura para o viço da sua pele. Agora, é importante frisar que não adianta investir em cosméticos quando a hidratação não vem de dentro. Então, que tal criar um lembrete no seu celular para beber água? A recomendação para um adulto é de pelo menos 2 litros por dia. Distribua essa quantidade ao longo do seu dia, fazendo da ingestão de água um hábito. Se você acha difícil beber água quando as temperaturas caem, aproveite para incluir no seu cotidiano chás claros ou de frutas, para aquecer e tornar o consumo mais prazeroso.

Protetor solar, sim!

Durante o inverno, os raios ultravioleta continuam agindo e podem prejudicar a sua pele tanto quanto no verão. Então, sem desculpas para deixar de usar o protetor solar! Se você fica exposto ao ar livre enquanto o dia decorre, vale a pena retocar a dose no início da tarde. Quando você trabalha em ambiente fechado, o mínimo é utilizar um produto facial que contenha fator de proteção solar. Leia também: Gatilhos da rosácea

Não exagere na temperatura do banho

As temperaturas lá fora caem, e dentro do boxe do chuveiro todo mundo tende a abusar da água quente. Acontece que um banho quente demais é péssimo para sua pele e para seus cabelos, principalmente se for demorado. As altas temperaturas retiram a camada de gordura natural da pele, ressecando. Quanto aos cabelos, também são prejudicados por retirar o sebo do couro cabeludo, o que incentiva a produção de mais gordura e pode levar ao excesso de oleosidade. Em relação à pele, você pode usar óleos de banho que hidratam superficialmente, caso considere difícil usar um hidratante corporal após secar o corpo.

Cuidado com os lábios

Um dos maiores incômodos nessa época do ano. Mantenha por perto um hidratante labial e resista bravamente ao impulso de lamber os lábios. Essa região, quando fica rachada, só piora se mantém contato com a saliva. Pode até agravar para alguma ferida.

Alimentação sempre equilibrada

Sabemos bem da tentação que é ingerir somente alimentos calóricos durante o inverno. Acontece que assim a sua pele sofre ainda mais. A busca pelo equilíbrio faz bem para a sua pele. Frutas cítricas, ricas em vitamina C, não devem faltar. Nozes, castanhas e amêndoas são ricas em vitamina E, que também merecem estar na sua rotina. Isso sem falar em verduras e legumes. Dica: se você nota que o seu consumo de saladas é menor durante os dias frios, aproveite para fazer sopas e caldos deliciosos usando as mesmas hortaliças.

Procedimentos dermatológicos

O inverno é a melhor época do ano para você dar aquela repaginada no seu visual. A recuperação costuma ser bem mais rápida, com os riscos de manchas trazidos pela luz solar muito diminuídos. O inchaço é menor, os desconfortos são aliviados e em alguns procedimentos os efeitos de uma cirurgia são mais discretos. Não importa se é uma pequena intervenção ou um procedimento cirúrgico. A hora para realizar é agora. Como a recuperação leva em média 3 meses, até lá sua pele estará radiante para brilhar diante das estações mais quentes do ano. Esperamos que as nossas dicas sobre os cuidados com a pele no inverno ajudem você a conquistar o viço em todos os dias dessa estação. Até a próxima!

Consultas em Psiquiatria na Clincare

Precisando de uma consulta? Na Clincare você encontra alguns dos profissionais mais qualificados do mercado. Marque a sua consulta hoje mesmo!

× AGENDE SUA CONSULTA